segunda-feira, 29 de outubro de 2012

Transformar


Transformar
Para transforma-se, a lagarta se encasula....
O girino, perde nadadeiras..Patas surgem....
A natureza é sabia em todos os aspectos....
As transformações decorrem do momento que urgem...
O humano, bicho engraçado!
Muda,de acordo com suas necessidades...
Muda cabelo, roupa, amigos, ideias....
Muda opinião..até de lado!
Mas uma coisa é fato...
A metamorfose é essencial...
Quando não..só panaceia...
Para curá-lo do mal...
A demora e a resistência são vis..
A alma sente o escárnio da mente...
O demônio consome aos poucos...
O gaiato resistente...
Mas quem és tu para resistir...
O universo depende da transmutação...
Tu és poeira inócua....
Divagando em lamentações....
Mude,faça,transforme, altere...
Mudança nunca é demais...
A lagarta que há em nós impele...
A borboleta que é fugaz...
A pasmaceira contamina a essência...
O comodismo é o diabo da verdade...
A transformação é a eloquência....
Que dissemina a beleza da humanidade...
Ronaldo Camillo Rigante – 2002.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

PDF

Print Friendly and PDF